[email protected]

cropped-logo-1
Pesquisar

Prefeita e filha são investigadas por suposto esquema de contratos milionários em Beruri

Foto: divulgação

Beruri, Amazonas – Uma exame exclusiva do CM7 Brasil apresenta alegações que podem perturbar a gestão da prefeita Maria Lucir Santos de Oliveira, em Beruri, um município do Amazonas. A alegação questiona o gasto de mais de R$ 2,5 milhões em materiais de informática, periféricos, toners e cartuchos, levantando suspeitas de favorecimento em contratos e possível uso indevido de fundos públicos.

O processo licitatório, publicado no Diário Oficial dos Municípios do Amazonas em 11 de dezembro de 2023, chama a atenção pelos valores elevados e a quantidade de produtos questionável, criando incertezas sobre os preços cobrados por algumas empresas vencedoras.

A companhia A.F.B Filho, conquistou um contrato envolvendo R$ 1.245.490,00 para fornecer HDs, mouses, teclados, tintas para impressoras e toner Brother. Enquanto isso, a empresa E A Comércio e Serviços de Informática LTD ganhou um contrato de R$ 363.750,00 para fornecer tinta para impressora e 100 toners Brother. Outra vencedora, a RC Barroso da Silva, garantiu um contrato de R$ 446.760,00 em tintas para impressora e toners, enquanto José Edinaldo dos Santos de Oliveira – ME obteve R$ 537.661,20 em kit de cilindro, toner e outros.

Existe alguma suspeita de trás a trás com estas licitações, pois a RC Barroso da Silva já foi investigada anteriormente por irregularidades em contratos com a prefeitura pelo Ministério Público do Amazonas. O proprietário também tem fortes ligações familiares com um ex-vice-secretário da educação e com o secretário da prefeita, levantando questões de imparcialidade.

Enquanto isso, a A.F.B Filho, liderada por Antonio Fernandes Bezerra Filho, ex-vereador e chefe de gabinete da prefeita, tem uma história de ganhar licitações municipais. Talvez mais preocupante seja a sugestão de envolvimento direto da prefeita Maria Lucir Santos de Oliveira e de sua filha, a secretária de finanças Raniele Oliveira, nos supostos favorecimentos milionários de empresas associadas.

Boatos circulantes sugerem que Raniele Oliveira pode estar manobrando a administração da prefeitura, emitindo ordens para pagamentos e decisões estratégicas. É preocupante que as empresas em questão tenham estado presentes em quase todas as licitações desde 2020, acumulando contratos milionários no processo.

Com a saúde precária e as condições de educação de Beruri, os habitantes da cidade estão indignados com a discrepância entre os gastos exorbitantes em informática e a falta de recursos para saúde e educação. Em face destas sérias alegações, é imperativo que o Ministério Público Estadual lance de imediato uma investigação para apurar possíveis irregularidades e punir qualquer responsável.

Esta denúncia ilumina uma situação perturbadora, exigindo a atenção imediata das autoridades e medidas imediatas para assegurar a integridade dos fundos públicos e a confiança da população local. Confira os documentos:

Fonte: https://cm7brasil.com/passando-a-limpo/escandalo-prefeita-e-filha-envolvidas-em-suposto-esquema-de-contratos-milionarios-em-beruri/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *