[email protected]

cropped-logo-1
Pesquisar

Festa no RJ registra cena chocante de indivíduos exibindo armas de fogo em frente a posto policial

Foto: divulgação

Em um controverso incidente ocorrido no Carnaval de São Gonçalo (RJ), um grupo de foliões ostentou réplicas e simulacros de armas de fogo numa farra situada em frente ao Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) do Jardim Catarina. A ocorrência, que aconteceu no sábado (10), se tornou tema de debates acalorados nas redes sociais.

O 7° BPM (São Gonçalo) expressou seu descontentamento com a atitude dos participantes mediante uma declaração pública.

Dentre os registros do evento divulgados nas redes sociais, há pessoas celebrando com réplicas de fuzis erguidas para o ar na Avenida Dr. Albino Imparato, além de menores de idade portando simulacros de armas. Também foi visto tale gesto diante de um posto policial.

Em paralelo, a Polícia Federal (PF) deu início à Operação Desarmada III com o objetivo de confiscar o armamento irregular restante associado ao grupo investigado pela Operação Desarmada, que foi deflagrada há um mês, em Nova Iguaçu (RJ).

Durante a operação, um mandado de busca e apreensão validado pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Nova Iguaçu foi cumprido pelos agentes federais.

Os itens apreendidos anteriormente, como parte da Operação Desarmada, englobavam unicamente armas e munições de calibre restrito. Por outro lado, a ordem judicial recente referia-se à confiscar o armamento remanescente encontrado em duas lojas investigadas, resultando em quase mil armas de fogo, além de milhares de munições e acessórios confiscados.

Os delitos identificados durante a operação incluem a venda ilegal de armas de fogo, munição e acessórios, bem como a posse ilegal de armas de uso permitido. A apreensão de um volume tão expressivo de material bélico é crucial na prevenção da entrada de armas de fogo no mercado clandestino, e no combate a organizações criminosas.

Previamente, em 15 de fevereiro, durante as Operações Desarmadas I e II, a Polícia Federal prendeu quatro indivíduos em flagrante por venderem armas sem supervisão armada, sem a devida autorização de transporte e com a venda de material bélico suspensa. Naquela circunstância, foram apreendidas 80 armas, incluindo 68 fuzis e 12 revólveres, além de munições, todas de uso restrito.

Para se manter informado, receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram em https://t.me/portaltucuma

Fonte: https://portaltucuma.com.br/video-festa-no-rj-tem-fuzis-para-o-alto-em-frente-a-posto-policial-ft50/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *