[email protected]

cropped-logo-1
Pesquisar

ExpoAmazônia Bio&TIC 2023 usa madeiras de barcos antigos para palcos e espaços em Manaus

ExpoAmazônia Bio&TIC 2023 vai ter palcos e espaços construídos utilizando uma técnica que une madeira de reuso de barcos antigos e materiais reaproveitados. — Foto: Divulgação

ExpoAmazônia Bio&TIC 2023: Palcos sustentáveis feitos com madeira de reuso de barcos antigos

A ExpoAmazônia Bio&TIC 2023, o maior evento voltado para tecnologia, bioeconomia e inovação da Região Norte, está trazendo uma novidade sustentável. Os palcos e espaços construídos para o evento serão feitos utilizando uma técnica que une madeira de reuso de barcos antigos e materiais reaproveitados. Essa iniciativa visa valorizar a Amazônia e seu potencial, promovendo o desenvolvimento socioeconômico e a proteção ambiental.

O arquiteto responsável pela construção dos palcos, receptivos e espaços da ExpoAmazônia Bio&TIC 2023 é Sérgio Santos, conhecido internacionalmente por sua expertise em reaproveitar materiais descartados e proporcionar um novo significado para eles. Nessa edição do evento, não será diferente. Sérgio está utilizando materiais de reaproveitamento, como paletes, OSB e embalagens gerais, para construir estandes, móveis, painéis e outros espaços do evento.

Uma das principais inovações é o reuso de madeiras retiradas de barcos antigos, que são cuidadosamente desmontados pela equipe do arquiteto. Com essas madeiras, são feitas mesas, cubos, balcões e muito mais, demonstrando que é possível criar diversas soluções com materiais reaproveitados.

Além disso, a ExpoAmazônia Bio&TIC 2023 também se preocupa com a sustentabilidade ambiental. Após o término do evento, todos os produtos construídos serão doados para instituições sociais e associações que atuam com reciclagem de materiais. Dessa forma, além de dar um novo significado para o que seria considerado “lixo”, também incentiva outras pessoas a produzirem produtos semelhantes, promovendo a geração de renda e beneficiando a Amazônia.

O trabalho de Sérgio Santos não é novidade. Ele já ganhou reconhecimento internacional com projetos como o Projeto de Restauração Ecológica e Urbanização Sustentável da Amazônia (Reusa), que revitalizou uma área com casas instaladas à beira de um igarapé em Manaus. Esse projeto foi exibido na 16ª Bienal Internacional de Arquitetura, em Buenos Aires, em 2017.

A ExpoAmazônia Bio&TIC 2023 acontecerá no Studio 5 Centro de Convenções, em Manaus. Serão debatidos seis eixos temáticos para fomentar a bioeconomia, empreendedorismo, valorização dos saberes tradicionais, produções acadêmicas em Bio&TIC, tecnologia da informação e comunicação e economia criativa. Para mais informações sobre o evento, acesse o site expoamazonia.com ou baixe o aplicativo oficial disponível para Android e iOS.

Além de discutir e integrar os polos de Bioeconomia e Tecnologia da Informação e Comunicação da região, a ExpoAmazônia Bio&TIC 2023 visa fortalecer os ecossistemas de Bio&TIC e promover a integração com os atores dos cenários nacional e internacional de inovação. É uma oportunidade única de impulsionar o desenvolvimento sustentável da Amazônia, beneficiando tanto a floresta como as comunidades locais.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/11/21/expoamazonia-bioandtic-2023-tem-palcos-e-espacos-feitos-com-madeiras-de-barcos-antigos-em-manaus.ghtml

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *